3 de jun de 2010

Zurique

A primeira parada da viagem foi Zurique, na Suíça. Cidade conhecida por sua austeridade e seus bancos não costuma atrair muitos brasileiros. Esta foi minha segunda visita à cidade e posso afirmar que desta vez curti bem mais. Talvez porque na primeira vez passei apenas um dia e meio na cidade e desta vez, com o cancelamento do meu seminário, fiquei quase três dias inteiros.

Eu acabei trocando de hotel no último minuto, pois achei melhor ficar num hotel mais barato do que o hotel onde o seminário seria realizado. Numa rápida pesquisa na internet antes de embarcar, encontrei o Hotel Adler. Ele não ficava na área da Bahnhofstrasse, rua mais famosa da cidade onde ficam todas as lojas caras e os poderosos bancos, mas era aparentemente bem localizado. Enfim, optei pela reserva e lá fui eu.

O hotel não me decepcionou. Pequeno, muito bem localizado numa área jovem e animada e a "walking distance" de praticamente todas as atrações da cidade. Meu quarto, como a grande maioria dos quartos single na Europa, era pequeno, mas bem arrumado e equipado. TV de LCD, minibar, cama confortável e espaçosa, banheiro moderno, limpo e com os "toiletries" de boa qualidade.

A ilustre hóspede no terraço de uma dos quartos do hotel



O hotel tem um restaurante especializado em cozinha suíça, com muitas opções de fondues e racletes. Como fiz o check in no final da tarde vindo direto do Brasil, com escala em Milão, estava bem cansada e resolvi experimentar o Swiss-Chuchi. Sentei numa mesa do lado de fora para poder observar a rua movimentada (pedestres apenas), muito embora o interior fosse mais confortável e acolhedor. Mas estando sozinha, eu prefiro movimento a tranquilidade e conforto. Experimentei um Fondue diferente. A base do fondue de queijo era aquela tradicional, mas ele também vinha com bacon e brandy de ameixa. Hummm boooommm!!!!

Aguardem os próximos posts sobre o que fazer em Zurique.

Share/Save/Bookmark

Nenhum comentário:

Postar um comentário